Questões de História

Exemplo 1

Assunto: Introdução à História > Patrimônio histórico

Tipo de questão: Discursiva

Grau de dificuldade: Difícil

Habilidade da BNCC: EF06HI02 - Identificar a gênese da produção do saber histórico e analisar o significado das fontes que originaram determinadas formas de registro em sociedades e épocas distintas.

Questão

Fogo destrói Museu Nacional, mais antigo centro de ciência do país

Inaugurado em 1818, o museu completou 200 anos em junho em meio a uma situação de abandono

Museu Nacional

RIO - Um incêndio de grandes proporções destruiu o acervo do Museu Nacional, na zona norte do Rio, na noite deste domingo, 2. Especializado em história natural e mais antigo centro de ciência do País, o Museu Nacional completou 200 anos em junho em meio a uma situação de abandono. Não houve feridos.

Disponível em: <https://brasil.estadao.com.br/noticias/geral,incendio-atinge-museu-nacional-no-rio,70002484984>. Acesso em: 11 de nov. 2018.

Reflita sobre a importância da criação de medidas para a conservação dos patrimônios históricos.

Gabarito

- Os patrimônios históricos são elementos importantes para as sociedades, pois representam a identidade e a memória dos grupos sociais que as compõem.
- Desse modo, é fundamental que a sociedade e os governos estabeleçam medidas para a conservação dos patrimônios.

Exemplo 2

Assunto: História do Brasil > Brasil Republicano > República Velha > República da Espada

Tipo de questão: Objetiva (múltipla escolha)

Grau de dificuldade: Fácil

Habilidade da BNCC: EF09HI01 - Descrever e contextualizar os principais aspectos sociais, culturais, econômicos e políticos da emergência da República no Brasil.

Questão

Em 1891 aprovou-se a primeira constituição brasileira do período republicano. Inspirada no modelo dos Estados Unidos, a carta de 1891 aboliu as principais instituições monárquicas, como o Poder Moderador, o Conselho de Estado e a vitaliciedade do Senado.

Constituição

Constituição de 1891. Disponível em: https://cpdoc.fgv.br/sites/default/files/Constituicao-2_0.jpg. Acesso em: 01 mar. 2019.

Sobre essa constituição, podemos afirmar que:

a) tornava o Brasil uma república presidencialista, com concentração de poderes na figura do presidente eleito a cada quatro anos.
b) era uma constituição democrática, uma vez que aboliu o voto censitário, ou seja, determinado por renda, instituindo o sufrágio universal
c) determinou a separação entre Estado e Igreja, instituindo a educação pública laica, a liberdade de culto religioso e o casamento civil.
d) estabeleceu o voto universal e direto para cidadãos maiores de 21 anos, com a inclusão de mulheres e analfabetos.
e) instituiu um modelo de república centralizadora, na qual os estados possuíam poucos direitos diante do governo federal.

Gabarito

- Alternativa correta: Letra C.
- Alternativa A: incorreta. O Brasil era uma república presidencialista, mas com separação de poderes entre Executivo, Legislativo e Judiciário.
- Alternativa B: incorreta. A introdução do voto universal não torna a constituição democrática, como podemos perceber pela exclusão dos analfabetos à participação política.
- Alternativa D: incorreta. As mulheres não tinham direito ao voto, ainda que elas não estivessem expressamente excluídas na lei. Os analfabetos estavam expressamente impedidos de votar.
- Alternativa E: incorreta. O modelo de república federativa, na qual os estados possuíam direitos de eleger seus governantes e sua Assembleia Legislativa, contrair empréstimos no exterior entre outras disposições, dava às elites estaduais bastante poder.

Exemplo 3

Assunto: História da Europa > Idade Contemporânea > Imperialismo europeu > Imperialismo na África > Partilha da África

Tipo de questão: Objetiva (múltipla escolha)

Grau de dificuldade: Médio

Habilidade da BNCC: EF08HI24 - Reconhecer os principais produtos, utilizados pelos europeus, procedentes do continente africano durante o imperialismo e analisar os impactos sobre as comunidades locais na forma de organização e exploração econômica.

Questão

Canal de Suez

Figura 56: Ilustração do Canal de Suez. 1869. Disponível em https://upload.wikimedia.org/wikipedia/commons/f/fa/SuezCanalKantara.jpg. Acesso 06 fev. 2019.

O canal de Suez no Egito, representou um avanço técnico, logístico e econômico para o comércio internacional no século XIX. Sobre sua importância no contexto geopolítico, marque a opção correta.

a) O Canal de Suez permitiu um contato maior das nações europeias, especialmente da Inglaterra, com as regiões ao sul do mediterrâneo.
b) Como obra, o canal representou um acordo entre as nações europeias e africanas, que envolvia transferência de tecnologia, servindo assim ao avanço das economias africanas.
c) A obra representou um novo projeto de colonização para região do Oriente Médio, que passou a ser ocupada por imigrantes europeus.
d) O Canal permitiu a ligação da Europa com a Ásia e África Orientais, dinamizando e acelerando o comércio global e reforçando o poder das economias europeias.
e) Com a construção do canal, um novo tipo de Imperialismo surgiu, onde as nações europeias disputavam alianças com os reinos africanos para manutenção do canal.

Gabarito

- Alternativa correta: Letra D.
- Alternativa A: incorreta. Já existia contato com o sul do mediterrâneo.
- Alternativa B: incorreta. O canal não representou transferência de tecnologia.
- Alternativa C: incorreta. Não houve, por causa do canal, projeto de imigração para região do Oriente Médio.
- Alternativa E: incorreta. Motivo semelhante ao da letra B, já que as nações não disputavam entre si pelas alianças com os reinos africanos por causa do canal.